GTA V está chegando! – Parte 1

Saudações reais, pessoal! Aqui estou eu para falar do game que deixa os players sedentos e as mães de cabelo em pé. Como prometido, o preview do Press A Key para GTA V está finalmente aqui, com informações, curiosidade e fotos e vídeos pra deixar você com ainda mais vontade de comprar o game no dia 19 desse mês (ou 17, para quem mora no resto do mundo – tem que ver direito esse negócio aí, Rockstar).

GTA V cover boxGTA V, com certeza, é um dos jogos mais esperados do ano, senão o mais. Toda essa espera é um reflexo do trabalho da Rockstar Games, empresa que revitalizou o game em sua terceira edição e o tornou em um dos maiores blockbusters da história, atraindo você a um mundo de polêmicas e te dando a liberdade de fazer coisas que sempre teve vontade, mas o bom senso simplesmente não deixava. A partir do GTA III, tivemos a fundamentação do gênero “open world” de uma forma absolutamente atraente e divertida, tornando a série referência para boa parte dos games do estilo (quem nunca respondeu a perguntas sobre True Crime ou Saints Row com a célebre frase “ah, é o mesmo estilo de GTA”), algo que dificilmente acontece no cenário dos games. Costumo comparar GTA ao World of Warcraft neste quesito. Depois do lançamento de WoW, todo MMORPG parecia cópia dele, não é mesmo?

Esse sucesso estrondoso deve-se também ao trabalho que é aplicado ao game pela Rockstar. Lógico que a empresa publicou vários outros games de sucesso, tais como Red Dead Redemption e LA Noire, mas GTA sempre será a “menina dos olhos” da empresa. Foi ele que alavancou todo o sucesso da publisher e a fez ser vista como uma das maiores do mundo, competindo de fato com as gigantes EA e Blizzard, por exemplo. Nada mais do que justo dar tanta atenção para cada título da franquia. No caso do GTA V, por exemplo, o diretor de arte Aaron Garbut dá uma ideia dessa contínua evolução a cada nova sequência. Falando para o site Buzzfeed, ele conta que o mundo do novo jogo está “muito além de qualquer coisa” que eles já fizeram. O mapa, que é gigantesco e foi vazado na internet (você pode conferir aqui), foi estudado e trabalhado à exaustão.

Aaron fala que o time acumulou mais de 250.000 fotos e horas de vídeo de pesquisa de campo em Los Angeles e California, mas o que realmente chama a atenção é o detalhamento aplicado. “Cada parte do mundo foi feita à mão e bem pensada. Tudo faz sentido e tem uma lógica interna. (…) Acho que a maior parte do que fizemos foi criar um mundo em que você pudesse se perder. Um lugar interessante e divertido de viver. Eu morei de fato mais no cenário do jogo do que em Edinburgh [na Escócia, onde tem uma subdivisão da Rockstar, na qual Aaron trabalha] nesses últimos anos e ainda o acho envolvente e ainda cruzo com coisas que não tinha visto antes. Acho que essa é a diferença quando cada parte é feita à mão: cada área é feita com a visão e as ideias de diversos artistas”. A entrevista completa pode ser lida aqui (em inglês).

GTA V heistTodo o trabalho de realismo não se aplica somente ao cenário de jogo. Os personagens também foram trabalhados minuciosamente. Em entrevista à rádio americava WGN, o produtor Laslow Jones revelou que membros REAIS de gangues REAIS (ênfase no REAIS) foram contratados para dublar vários personagens do jogo, de modo a dar mais vida e autenticidade ao game. “[No jogo] há gangues de negros, gangues de latinos, então nós contratamos um cara para nos arrumar membros de gangues. Membros mesmo, reais. Por exemplo, arrumamos uns caras de uma gangue salvadorenha com tatuagens incríveis e um deles tinha saído da prisão um dia antes, literalmente. E nós trouxemos esses caras para gravar os personagens das gangues porque, sabe… você não quer um ator mané de Los Angeles que foi para uma escola chique tentando ser um membro de gangue durão. Não há nada pior do que isso “, contou Jones. A entrevista, em inglês, pode ser ouvida aqui.

Tanto trabalho é refletido na divulgação do investimento no título. Segundo o jornal escocês The Scotsman, durante os cinco anos de desenvolvimento, a Rockstar gastou quase 266 milhões de dólares no desenvolvimento e marketing do jogo, o que o torna o mais caro da história, superando Star Wars: The Old Republic, que gastou 200 milhões de dólares. São mais de 610 milhões de dilmas gastos, mas que vão reaparecer rapidinho. Especialistas dizem que GTA V deve vender nada menos que 25 milhões de cópias apenas no primeiro ano, o que deve significar mais de 1 bilhão e meio de dólares. O analista Arvind Bhatia, para o Gamespot, segue essa linha. Para ele, o jogo vai vender entre 18 e 20 milhões de cópias até Março de 2014, com base no potencial do novo game e nos próprios números de vendas do antecessor GTA IV, que vendeu 11 milhões de cópias somente no primeiro mês.

Seguindo essa linha, em um artigo da CramGaming, a Rockstar dá o recado: as cópias de GTA V vão esgotar já no primeiro dia de vendas e, se você não tiver comprado antecipadamente, pode acabar frustrado. Entretanto, o próprio artigo dá a entender que não há tanto motivo pra se preocupar, já que, com tanta procura, a empresa e as revendedores devem estar preparadas sim. Além disso, ele lembra que versões digitais na PSN e na XBOX Live também estarão lá, então até mesmo os esquecidos poderão aproveitar do lançamento sem problemas.

GTA V protagonistas

Os três protagonistas de GTA V

Mas, quando falamos de GTA, não falamos apenas de realismo. Polêmica deveria ser o subtítulo oficial da franquia e não foi diferente dessa vez. A Kotaku americana noticiou um link da ESRB (sigla para Entertainment Software Rating Board, aquela agência legal que rotula devidamente os jogos por idade, mas que a mamãe nem se importa em olhar e depois reclama ao mundo porque seu filho está jogando um game violento e sexual demais que ela mesma comprou) que, além do óbvio rating do jogo (“Mature” ou 17+), traz um pequeno resumo do que pode ser encontrado nele. Entre as coisas corriqueiras, tipo matar pessoas, ver um strip ou beber e dirigir, há cenas em que você fuma maconha ou cheira cocaína. A Kotaku, inclusive, acredita que o jogador pode comprar e usar maconha normalmente no game, não só em uma cena. O resumo da ESRB é CHEIO de spoilers, mas, se mesmo assim você quiser conferir, basta ver a notícia no site ou ver direto do site da ESRB, ambos em inglês. Outra polêmica é o “machismo” do game por ter apenas protagonistas homens (Trevor, Michael e Franklin). Em uma entrevista para o jornal britânico The Guardian, Dan Houser, cofundador da Rockstar, explica que “o conceito de [os protagonistas] serem masculinos é chave na estória”.

Fontes: Buzzfeed, Videogamer.com, Mashable, Kotaku.com, CramGaming, Gamespot

Anúncios

Um comentário em “GTA V está chegando! – Parte 1

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s